estou infeliz no meu casamento

Estou infeliz no meu casamento

Pergunta: Conheço uma pessoa há treze anos, com a qual me casei há quatro anos, e ultimamente brigamos 24 horas por dia. Não somos mais felizes, nosso casamento veio por água abaixo, relação sexual horrível e não a amo mais.

Nossos objetivos são muito diferentes e ela tem um gênio muito difícil, sempre estamos tentando ficar juntos, mas eu cansei de insistir em algo que dá sempre errado.

Hoje me vejo preso, infeliz e sentimento de desperdício de vida. Quero ser feliz, mas não sei se consigo não ter mais ela. Há 15 dias, ela saiu de casa, porque sempre foi intempestiva, parece que se arrependeu e quer voltar, mas não quero que volte.

Para ajudar reencontrei uma pessoa que sempre me despertou interesse, só que nunca chegamos a conversar direito, e é tudo que sempre sonhei e sempre pedi para minha esposa ser. E parece que sou o que ela precisava também! Estamos completamente apaixonados, meio que coisa de filme mesmo e eu estou adorando isso, parece ate que renasci.

Estou com medo de tudo isso, medo de me apaixonar de vez e deixar para trás aquela vida com minha esposa mesmo sendo infeliz. Não sei o que fazer. Por favor, me dê uma luz.

Gabriel, 30 anos.


Resposta: Caro leitor, você de fato tem uma grande e difícil decisão a tomar. Em uma análise fria dos fatos, de um lado tem um longo e infeliz casamento e do outro a pessoa que te completa. O que escolher?

Primeiramente, jamais poderia te dizer o que fazer, esta é uma decisão que cabe apenas a você tomar. Mas, posso ajudá-lo a tentar mostrar os dois lados. Vamos lá?

Os maiores vilões de um casamento são a convivência e o tempo. Uma relação onde o casal vive em casas diferentes acaba sendo muito mais fácil do que uma vida conjugal. Assim como, o tempo muitas vezes também acaba desgastando a relação, em muitos casos é um processo natural.

Mas, todos os vilões podem ser combatidos. Um casal que luta pelo bem do relacionamento, tenta resolver seus problemas com o bom e velho diálogo. Para uma convivência saudável, os dois têm que ceder, pelo bem do casamento.

Você e a sua esposa já tentaram de tudo para fazer a relação funcionar? Será que não é apenas uma fase ruim? Um relacionamento tão longo assim merece todas as tentativas possíveis.

Entretanto, há também o outro lado. Se você acha, que mesmo com todas as tentativas possíveis, que a relação não tem futuro e que não será feliz nela, então não tem motivos para continuar. Além de está desperdiçando o seu tempo, está fazendo o mesmo com o da sua esposa. Neste caso, vale a reflexão: continuar em uma relação longa e infeliz ou lutar por algo mais promissor?

Falando em algo mais promissor, ainda tem essa pessoa na qual você está apaixonado. Lembre-se, em todo inicio de relação, tudo é perfeito! E pode continuar sendo! Mas, mantenha a cautela.

Chega um momento na vida, que precisamos tomar decisões importantes, as quais definirão o rumo dela. E para isso, precisamos averiguar minuciosamente os dois lados, para termos a certeza de que iremos fazer a escolha certa.

 

NOVIDADE: Você precisa de um conselho e tem pressa para uma resposta? Chegou o Conselho Premium, a sua dúvida amorosa respondida em até 72 horas. Saiba como >>
Vote neste conselho

Sou o conselheiro deste site e colunista do portal iG, uma pessoa que enxerga que o amor é a base para uma vida feliz e o alicerce para todas as outras coisas darem certo. Já errei muito na vida amorosa e com os erros vieram os acertos. E por isso, espero poder compartilhar as minhas opiniões, experiências e visões de mundo com você. Para, de alguma forma, poder te ajudar.

conselhos@conselhosamorosos.com.br

comentários
  • Oi pessoal minha vida é um inferno sou casada a 6 anos com um demônio eu tenho 25 anos e ele 27. Ele é abusivo enguinorante e agressivo machista. Quer controlar a minha vida em tudo não tenho nenhum amigo minha família adora ele e ele simplismente e falso fala mau da minha família,minha mãe mora longe de mim e pra ir pra lá ele tem que ir no pé. Gente voçes não tem noção de como é minha vida ao lado desse homem… Não sei o que faço da minha vida além disso tudo tenho que aguentar uma família de bacacas e nojentos que é um bando de bota em minha vida se metem em tudo que se referi a mim ……só Deus pra mim tirar desse enfermo não aguento mais….meu deus mim ajudaaaa

     
    8 de agosto de 2017
  • Oi Gabriel, acabamos nos apegando as pessoas com quem convivemos, mesmo q a convivência nao seja boa…e meio estranho criarmos este vínculo, já q nao existe mais satisfacao….e mais estranha ainda a dificuldade de desfaze_lo… Mas com o tempo sempre conseguimos nos adaptar as novas situações, lugares e pessoas…
    Não podemos permitir que o medo do novo nos deixe acorrentados ao passado…A vida flui e nao tem nada pior do q nos sentirmos presos a pessoas q nao amamos…por obrigação, pena ou medo da vida piorar mais ainda…
    Coisas boas acontecem…assim como coisas ruins…mas temos q tirar o melhor delas…sobreviver…superar…e buscar a felicidade onde quer q ela esteja…nem q para isso tenhamos q tentar varias e varias vezes…
    Boa sorte na sua decisao!

     
    27 de maio de 2016

Deixe um comentário